Publicado por: bicicletanarua | 27 julho 2010

SC: O uso do carro como arma e símbolo de status é outro signo de nosso atraso e incultura

O texto abaixo estava no editorial da edição impressa do periódico Diário Catarinense de 27 de julho de 2010 (pág. 12). Você pode vê-lo no site do DC aqui.

Editoriais

48 horas, 11 mortes

Mortes e mutilações em acidentes de trânsito nas rodovias que cortam o território de Santa Catarina e em vias urbanas se transformaram em uma macabra rotina, a tal ponto que esses eventos brutais, em geral, hoje recebem apenas discretos registros no noticiário. Neste final de semana, entre as 19h de sexta-feira e 22h de domingo em pouco mais de 48 horas, portanto , 11 pessoas perderam a vida em acidentes no Estado.

Onze mortes que se somam às estatísticas que garantem a Santa Catarina a condição de segundo Estado brasileiro em letalidade no trânsito na proporção do número de veículos que integram sua frota. Registre-se que o Ministério da Saúde estima que, no Brasil, ocorram, 35 mil mortes por ano causadas por acidentes de trânsito, responsáveis ainda por uma legião de feridos e mutilados.

Diversos fatores convergem para compor este quadro desalentador, entre eles o péssimo estado de conservação da malha viária, na qual pouco ou quase nada se investe – extensos trechos, além do leito esburacado, sequer têm acostamentos ou qualquer tipo de sinalização – e a escassez de efetivos e equipamentos para que a PRF possa melhor exercer sua missão de vigilância e patrulhamento nas estradas federais, que são o principal palco desta matança de ação continuada.

A causa maior desta carnificina, entretanto, é o comportamento irresponsável e imprudente dos motoristas, que, segundo os registros policiais, respondem por 94% dos acidentes. A estimular este comportamento letal estão a quase certeza da impunidade por parte do infrator e a leniência com que a lei o trata. O uso do carro, que é um corriqueiro meio de transporte, como arma e símbolo de status é outro signo do nosso atraso e incultura.

Anúncios

Responses

  1. […] Recentes SC: O uso do carro como arma e símbolo de status é outro signo de nosso atraso e inculturaTrânsito ruim agora nos bairrosElas vão de bikeDe Bicicleta rumo ao altar.Sair de carro é a […]

  2. Muito boa a matéria, passemos adiante.
    Viva a mobilidade sustentável por meio das bicicletas normais como meio de transporte!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: